Critérios de Aceitação do Seguro

Home / Critérios de Aceitação do Seguro

 

  • São aceitos todos os trabalhadores ativos legalizados da empresa e em perfeitas condições de saúde.

  • Na implantação não serão aceitos funcionários afastados por doença ou acidente. Estes somente poderão ser incluídos no grupo segurado após seu retorno às atividades laborativas.

  • Após o início de vigência, os funcionários que forem afastados terão suas coberturas garantidas, desde que, mensalmente, a empresa envie o arquivo layout padrão, contendo seu nome, CPF, e data de nascimento para devida cobrança de prêmio mensal (vide layout padrão).

  • Não são aceitos funcionários aposentados por invalidez.

  • Prestadores de Serviço, Terceirizados e Estagiários serão aceitos mediante vínculo legal e contrato vigente entre as partes.

  • Os sócios poderão ser incluídos no seguro com o mesmo capital dos funcionários, desde que a adesão seja compulsória e sejam incluídos no grupo no ato da contratação. Devem estar em plena atividade e ter idade inferior a 65 anos, mediante preenchimento de Declaração Pessoal de Saúde.

  • Sócios com idade entre 65 e 70 anos poderão participar do seguro se estiverem em plena atividade com capital segurado máximo limitado a R$5.000,00 condicionado ao valor da fatura mínima mensal prevista em contrato, preenchimento de uma adesão separada e Declaração Pessoal de Saúde.

  • Para que haja a cobertura no seguro, os funcionários segurados deverão estar registrados ou possuir contrato legal de prestação de serviço (assinado pelas partes) em nome da mesma razão social preenchida no contrato de adesão.

  • A cobertura que prevê reembolso à empresa por rescisão trabalhista, somente será aplicada, em caso de morte de funcionário registrado e constante na GFIP. Ficando entendido que, o reembolso não será concedido à empresa caso ocorra a morte de algum trabalhador em regime de estágio, terceirização ou prestação de serviço.

  • Capital individual máximo de R$ 20.000,00 para empresas com até 10 funcionários e capital individual máximo de R$ 40.000,00 para empresas com mais de 10 funcionários. Nos casos em que o capital desejado ultrapassar este valor, é necessário consultar antes a Central PASI de Atendimento para análise.

  • Cotações vinculadas a entidades parceiras do PASI sempre serão atendidas na íntegra das exigências da Convenção Coletiva e em outros sindicatos em que as exigências superam os limites de capitais básicos poderão ser atendidos mediante prévia análise individualizada

  • Para grupos de riscos especiais (vigilantes, motociclistas, mergulhadores, etc), favor consultar o setor comercial na Central PASI de Atendimento para obter as taxas e as condições de aceitação para estes segmentos. 

  • Fatura mínima mensal padrão: R$ 35,00 (podendo variar conforme segmento)

 

As condições comerciais acima podem variar de acordo com as necessidades de cada segmento.
Consulte a Central PASI para avaliação e elaboração de uma proposta personalizada.